segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Animação Alerta para Consumo Excessivo

A animação “Man”, de 2012, do ilustrador e animador inglês Steve Cutts, mostra o relacionamento do homem com o ambiente e o mundo ao seu redor. Visto por mais de 11 milhões de pessoas, o vídeo é um retrato fiel de como a sociedade atual utiliza os recursos naturais de forma desenfreada, maltratando animais, poluindo e destruindo o planeta.

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

E-commerce do Armazém Seu Luiz Comemora Um Ano com Descontos Especiais


Com três lojas físicas em Curitiba e bastante tempo de experiência na área, o empresário José Ricardo Pavanello resolveu ampliar as vendas do Armazém Seu Luiz lançando, há um ano,o e-commerce.
Além de ter conquistado a clientela fiel da casa, ganhou novos clientes. “Quisemos aliar a tradição da área em que atuamos com as novas tendências de consumo. Outras preocupações são sempre com a comodidade, qualidade, confiabilidade e praticidade. Acabamos conquistando clientes de fora de Curitiba também.”, conta o empresário.
Na página do Armazém Seu Luiz é possível comprarconservas, especiarias e temperos, biscoitos, castanhas, frutas secas, cereais, antepastos, queijos, massas, molhos, geleias, vinhos, espumantes, cervejas especiais, destilados, sucos e uma infinidade de outros produtos, além de acessórios e presentes. Com exceção dos perecíveis, que são entregues apenas para Curitiba, o site entrega para todo o Brasil.
Quem mora em Curitiba tem mais uma vantagem: receber o produto no dia da compra. “Inclusive aos sábados, quem compra até o meio-dia, consegue receber o produto no mesmo dia.”, afirma Pavanello.
Com um ano de funcionamento o e-commerce da casa pode ser apontado como um quarto endereço, com um público bastante fiel. Para comemorar, a página está com uma campanha de descontos, em produtos selecionados, até o dia 30 de setembro.

Sobre o Armazém Seu Luiz

Comercializa grande variedade de produtos a granel, tanto nacionais quanto importados, além de um amplo mix que também contemplaadega e opções gourmet. São cerca de dois mil produtos que podem ser encontrados nas três lojas físicas em Curitiba e no e-commerce com entrega para todo o Brasil.

Serviço:
Armazém Seu Luiz

Loja Iguaçu
Horário de funcionamento: 8h às 19h (2ª a 6ª feira) e 8h às 18h (sábado).
End.: Av. Iguaçu, 481 I Rebouças
Tel.: 41 3078-9470

Loja Bigorrilho
Horário de funcionamento: 9h às 19h (2ª a 6ª feira) e 9h às 18h (sábado).
End.: Al. Julia da Costa, 1829 I Bigorrilho
Tel.: 41 3336-9000

Loja Batel
Horário de funcionamento: 9h às 19h (2ª a 6ª feira) e 9h às 18h (sábado).
End.: Av. Sete de Setembro, 6131 I Batel
Tel.: 41 3068-6101
Cartões de crédito: Visa, Mastercard, Diners, Hipercard, Amex.
Cartões de débito: Visa Electron, Redeshop, Elo Débito.
E-mail:
atendimento@armazemseuluiz.com.br

Redes sociais: Facebook, Instagram

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Biblioteca da Cozinha Aluga Utensílios e Equipamentos


A The Kitchen Library, no Canadá, funciona como uma biblioteca, só que, em vez de emprestar livros, a empresa empresta batedeiras, equipamentos para fondue e máquinas para fazer macarrão e sorvete, entre outros itens.

O usuário paga US$ 50 por ano para se tornar sócio da The Kitchen Library e, a partir daí, pode alugar qualquer artigo por até cinco dias. Depois, é só devolvê-lo lavado.

O empreendimento, que não tem fins lucrativos, nasce para ajudar os donos de cozinhas pequenas que gostam de preparar doces e salgados em casa, mas não têm espaço suficiente para guardar tantos utensílios.

"Nós acreditamos que renda e espaço não deveriam ser barreiras para comer de forma saudável e cozinhar em casa", diz a The Kitchen Library em seu site. "É por isso que nós oferecemos palestras sobre culinária, assim como equipamentos que você precisa para preparar refeições em casa."

fonte REVISTA PEGN

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Cozinheiros São os que Mais Usam Drogas


Profissionais de cozinha, tanto cozinheiros, chefs e profissionais de food service, estão entre os trabalhadores com maior números de víciados em drogas. Segundo pesquisa realizada pela Klean Treatment Center, com base em dados de autoridades americanas.

Uma das justificativas apontadas para esse alto número de usuários de drogas são as longas horas de trabalho, o horário trabalhado e a aleatoriedade das rotinas.


ProfissãoÍndice de "drogados"
Food service e cozinheiros17,4%
Trabalhadores de obras e construções15,1%
Entretenimento, artes, design e esportes12,4%
Vendedores9,6%
Trabalhadores de reparos, instalação e manutenção9,5%
Trabalhadores florestais, de pesca e agropecuária9,6%
Logística e transporte de cargas8,4%
Manutenção de prédios e imóveis8,2%
Profissionais de saúde7,7%
Escritório e administrativo7,5%
Fonte: Klean Treatment Center
Para a pesquisa, viciados em drogas foram considerados os trabalhadores que consumiram, pela menos, uma porção de drogas em 30 dias.
fonte REVISTAGQ

sábado, 6 de setembro de 2014

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Os 50 Melhores Restaurantes da América Latina


O ranking dos 50 melhores restaurantes da América do Sul foi divulgado nesta quarta-feira, 3. Nove restaurantes brasileiros estão na lista!

O restaurante Central, de Virgilio Martínez e Pía León, em Lima, no Peru, foi eleito o melhor restaurante da América Latina na versão regional do ranking 50 Best, organizado pela revista Restaurant. Ele estava em quarto lugar no ano passado.

Em segundo lugar, o também peruano Astrid y Gastón, que foi o primeiro colocado na lista de 2013. O D.O.M., de Alex Atala, caiu uma posição em relação à premiação do ano passado e ficou com a terceira colocação, completando o pódio.

Confira a lista completa:

1. Central / Lima, Peru
2. Astrid y Gaston / Lima, Peru
3. D.O.M. / São Paulo, Brasil
4. Maní / São Paulo, Brasil
5. Boragó / Santiago Chile
6. Pujol / Cidade do México, México
7. Maido/ Lima, Peru
8. Biko / Cidade do México, México
9. Tegui / Buenos Aires, Argentina
10. Quintonil/ Cidade do México, México
11. Malabar / Lima, Peru
12. Mocotó / São Paulo, Brasil
13. Roberta Sudbrack / Rio de Janeiro, Brasil
14. Aramburu / Buenos Aires, Argentina
15. La Mar / Lima, Peru
16. Tarquino / Buenos Aires, Argentina
17. Parador La Huella / Jose Ignacio, Uruguai
18. El Baqueano / Buenos Aires, Argentina
19. Pangea / Monterrey, México
20. Fiesta / Lima, Peru
21. Chila / Buenos Aires, Argentina
22. La Cabrera / Buenos Aires, Argentina
23. Tomo 1 / Buenos Aires, Argentina
24. Sud 777 / México, DF
25. Manzanilla / Ensenada, Mexico
26. MeroToro / Cidade do México – México
27. Rafael / Lima – Peru
28. Alto / Caracas – Venezuela
29. Oviedo / Buenos Aires – Argentina
30. Osaka / Santiago – Chile
31. La Picanteria / Lima – Peru
32. Gustu / La Paz – Bolívia
33. Rosetta / Cidade do México – México
34. Remanso do Bosque / Belém – Brasil
35. Olympe / Rio de Janeiro – Brasil
36. Epice / São Paulo – Brasil
37. Ambrosia / Santiago – Chile
38. Attimo / São Paulo – Brasil
39. Criterión / Bogotá – Colômbia
40. Francis Mallmann 1884 / Mendoza – Argentina
41. Amaranta / Toluca – México
42. Corazón de Tierra / Valle de Guadalupe – México
43. Harry Sasson / Bogotá- Colômbia
44. Fasano / São Paulo – Brasil
45. La Bourgogne/ Punta Del Este – Uruguai
46. El Cielo / Bogotá – Colômbia
47. Sucre / Buenos Aires – Argentina
48. Elena / Buenos Aires – Argentina
49. Leo Cocina y Cava / Bogota – Argentina
50. Pura Tierra / Buenos Aires – Argentina


sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Queda na Produção de Avelãs Ameaçam a Produção de Nutella


Na Turquia, maior produtor de avelãs do mundo, está provocando a escassez desse produto. A indústria turca produz 70% da avelã do mundo e encara uma redução de 30% de suas expectativas originais.

Como resultado, o preço da avelã está 60% maior que o esperado.

Embora o preço alto possa prejudicar diversos fabricantes, o mais vulnerável pode ser o grupo FERRERO, que faz a Nutella. O grupo compra, praticamente, um quarto da produção mundial de avelãs. Dependendo muito da Turquia para isso. Vale lembrar que cada pote de Nutella de 365g contém 50 avelãs.

Uma luz no fim do tunel é que o grupo FERRERO adquiriu a OLTAN GROUP, uma das principais fornecedoras de avelãs da Turquia, ficando assim um pouco mais forte em situações como a que está acontecendo.

Outra má notícia é que as avelãs não são o único ingrediente que está aumentando. O azeite de dendê (pasmem) teve alta de 20% nos preços, tanto pelo aumento da demanda, quanto a problemas cimáticos. O cacau também apresentou alta de 40% desde o ano passado.

Isso não quer dizer que a Nutella desaparecerá neste ano ou ano que vem. Ainda não houve nenhum alerta da empresa sobre alta nos valores do produto. Mas, todos sabemos o que acontece quando o custo da matéria prima aumenta. Certo?


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...